Romântica

Não tenho culpa de querer pra mim todo o amor do mundo.
Fez muito sentido quando ouvi que 'cada um aceita o amor que acredita merecer'*
Acredito nisso.
O amor faz acender aquilo que há de melhor em você.

Eu provei o amor uma vez e foi maravilhoso.
Ma ra vi lho so.
Sentia frio na barriga cada vez que o nome dele surgia na tela do celular.
E em cada vez que via seus olhos brilhando.
Eu sou romântica sim, obrigada.
E amor que é amor, pra mim, não acaba. Escolhe uma gaveta do peito e dorme lá, junto às memórias do que foi bom.

Outro dia entrou em questão o quão durável é amor. Eu não gosto de pensar em separação.
Para aqueles que sabem amar, bem capaz de ser infinito (pois me desculpe Vinícius, o amor não é chama, é vento).

E eu quero.
Quero ficar contando as horas pro encontro
Quero subir nas nuvens
E sorrir de corpo inteiro ao ver os olhos do outro brilhando. Por mim.
Quero sentir meu peito ardendo
Poder fazer planos
E ter a certeza de que ao meu lado é seu lugar preferido para estar.
Com aquela velha fé de que o melhor do amor é que ele é feito pra durar.

Um dia encontro o meu




[*do filme As vantagens de Ser Invisível]

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Folhas novas

Reflorescer

Biografia